Início / Empregos / Testes de Seleção / Dinâmica de grupo na seleção de tripulantes da TAM
passagens promocionais tam 2015

Dinâmica de grupo na seleção de tripulantes da TAM

Uma das dinâmicas favoritas nas seleções para comissários de voo da TAM Linhas Aéreas é a dinâmica de sobreviventes.

Com relação ao grupo de 12 pessoas, onde pedem para escolher 6 para sair e buscar alimentos, é simples. Eles não querem saber se quem você irá levar e sim como você aceita opiniões dos colegas, como trabalha em equipe e como você expõe suas ideias.

Nesse teste nunca diga isso não é bom, não leve esse. Nunca negue um colega seu ou descredencie ele da sua escolha. Prefira dizer: – Esse parece ser bom, mas porque não tentar esse?

A dinâmica é simples. São pontos simples que eles observam.Quando pedem para você levar um objeto também é muito simples. Só querem avaliar sua capacidade de improviso. Pegue o objeto que veio para você, pois lá pedem para trocar e fale coisas simples sobre ele. Que impressão ele causa em você, e também quando e, se seria possível usá-lo.

– Lista de empresas aéreas no mundo para enviar currículo

O pessoal de RH tem que ser seco, pois ali estão trabalhando com emoções. Se derem brecha e atenção para as necessidades de todos, não farão o seu trabalho.

A Gol pode trabalhar diferente, mas isso vai da formação de cada um. A grande maioria das empresas, principalmente multinacionais não costumam informar o porquê da não classificação do candidato. Se a Gol informa, excelente.

Na minha dinâmica, ficou muito claro quem quis forçar situação, dizendo que fazia muita caridade, que ajuda aqui, ali e acolá. Isso é perceptível. Seja você mesmo sempre!

Perguntas da seleção da TAM

– respostas

Prova de Idiomas

A prova de línguas é bem fácil. Simulam uma situação de voo, umas perguntas e pedem para você falar um pouco sobre si. Qualquer um que tem um nível de básico para intermediário passará. Sei que muitos ficam revoltados por não passar e deixam citações ofensivas ao pessoal de RH da empresa.

Não se preocupe só com o salário e sim com o TEU CRESCIMENTO PESSOAL, o restante vem por acréscimo  NÃO SEJA PESSIMISTA, NEGATIVO. Entre na Cia que for e lá faça o teu mundo, construa o ambiente de trabalho que você quer usufruir.

Somos a somatória do que pensamos, falamos e praticamos. Isso serve para qualquer ambiente de trabalho, seja Tam, Gol, Azul, American Airlines, Emirates.

– Livros para estudar inglês para aviação

Para todos aeronautas: Realizamos o sonho de muitas pessoas que sonham em voar, sonham em entrar para uma cia. Então, utilizar de comunidades para dizer quem é melhor ou pior é faltar com o respeito ao sentimento e sonho de todos os que desejam o lugar onde estamos.

Dando seqüência a série sobre dinâmicas de grupo, hoje trazemos uma utilizada em avaliações de perfil comportamento, com base nas escolhas do grupo, envolvendo questões como valores, negociação, persuasão e respeito pessoal.

– Dicas para falar bem inglês na aviação

– Sites para estudar inglês de graça!

Teste de seleção para comissários de voo: abrigo subterrâneo

Objetivos: Refletir sobre a influência de nossos conceitos, valores e como agimos diante de uma decisão de muitos riscos. Avaliar o grau de liderança, a forma de persuadir ou intervir no grupo, bem como a flexibilidade, a capacidade criativa e o saber ouvir.

Competências a serem observadas: Liderança, comunicação, flexibilidade, valores pessoais, capacidade de persuasão e de negociação.

Desenvolvimento e Reflexão: Divida os participantes em grupo de até 5 pessoas, distribua o texto de apoio e peça que façam a seleção solicitada nas instruções, de forma mais acertada possível e consensual.  Ao final, indague ao grupo como foram as reações ao realizar as escolhas e suas percepções sobre os momentos em que tiveram que abrir mão de uma pessoa por outra.

– Testes de concentraçã0 e raciocínio lógico

Texto de Apoio:

Imaginem que nossa cidade está sob ameaça de um bombardeio. Aproxima-se um homem e lhes solicita uma decisão imediata. Existe um abrigo subterrâneo que só pode acomodar seis pessoas. Há doze pessoas interessadas a entrar no abrigo. Faça sua escolha, destacando seis somente.

  • Um violinista, com 40 anos de idade, narcótico viciado;
  • Um advogado, com 25 anos de idade;
  • A mulher do advogado, com 24 anos de idade, que acaba de sair do manicômio. Ambos preferem ou ficar juntos no abrigo, ou fora dele;
  • Um sacerdote, com a idade de setenta e cinco anos;
  • Uma prostituta, com 34 anos de idade;
  • Um ateu, com 20 anos de idade, autor de vários assassinatos;
  • Uma universitária que fez voto de castidade;
  • Um físico, com 28 anos de idade, que só aceita entrar no abrigo se puder levar consigo sua arma;
  • Um declamador fanático, com 21 anos de idade;
  • Uma menina com 12 anos e baixo Q.I.;
  • Um homossexual, com 47 anos de idade;
  • Um débil mental, com 32 anos de idade, que sofre de ataques epilépticos.

Dicas em trabalhar no aeroporto: emprego para aeroportuários

As dinâmicas de grupo são ferramentas que possibilitam a criação e recriação do conhecimento. Por meio delas é possível detectar nos candidatos traços de personalidade, crenças, valores, habilidades e conhecimentos. Nos processos seletivos, é cada vez mais comum o uso de dinâmicas e também de jogos para grupos. Os objetivos dessas técnicas são variáveis: integração, sociabilidade, levantamento de competências, criatividade, avaliar como as pessoas lidam com a administração do tempo, resistência à frustração, poder de persuasão e de argumentação, entre outros. 

“As dinâmicas servem para ‘desarmar’ os candidatos, tornando o processo seletivo mais dinâmico e tranqüilo, fazendo com que ele mostre realmente como ele é, o que facilita a avaliação”, explica Suzana Negrini, psicóloga clínica e organizacional. Existe uma série de dinâmicas que pode ser utilizada nos processos seletivos, porém, ao escolher uma delas, deve-se levar em conta o perfil do cargo, os aspectos da cultura da empresa – para checar adaptabilidade a essa cultura – e o público que se candidata ao cargo. “Quanto maior a complexidade do cargo, mais as atividades planejadas devem ser estruturadas com maior grau de desafio e mais adequadas ao papel que a pessoa desempenhará na empresa”, avalia a consultora em desenvolvimento organizacional Ângela de Fátima Saraiva Freitas. 

A pessoa responsável pela aplicação da dinâmica deve ter bem claro quais objetivos pretende atingir, utilizando, para isso, vários materiais que ajudem na aplicação das técnicas, como vídeo, papel, tinta, retroprojetor, teatro etc. “Ao dar início à dinâmica, o ambiente precisa ser o mais descontraído possível. Eu, por exemplo, primeiro faço uma dinâmica de apresentação descontraída, para em seguida entrar numa dinâmica situacional, mais específica. Deve-se explicar claramente os objetivos e procedimentos para que a possibilidade de os participantes receberem bem a atividade aumente”, diz Suzana. 

Mas será que existem determinadas situações em que a dinâmica não é recomendada? “Não considero que exista contra-indicação, mas sim que talvez, em determinada situação, não seja a técnica mais eficaz. Por exemplo, se estamos trabalhando uma vaga de executivo de nível mais estratégico, temos poucos candidatos e todos com referências nas empresas em que eles trabalharam como executivos. Neste caso não seria o mais indicado utilizar as atividades vivenciais no processo. Uma entrevista bem-estruturada e focada nas competências pode dar mais resultado do que dinâmicas e jogos”, comenta Ângela. 

– Leia nossas entrevistas como comissários de bordo!

Do coordenador da dinâmica exige-se conhecimento técnico, atenção para captar o que é apresentado na dinâmica, estrutura para manter o equilíbrio emocional da equipe, boa percepção para captar os detalhes de comportamento de cada participante e preparação para gerar um laudo satisfatório da dinâmica e de cada candidato. “Alguns cuidados também devem ser levados em consideração, como conhecer previamente o grupo (idade, grau de escolaridade, capacidade física…), saber os objetivos de forma clara e ter todo o material necessário para que não haja interrupção”, complementa Suzana. 

Para Ângela, existem muitas crenças equivocadas a respeito da postura do selecionador e isso parece ter gerado comportamentos inadequados que mais prejudicam o processo seletivo do que ajudam, gerando a insatisfação dos candidatos e críticas severas sobre a validade da técnica em seleção, atingindo a credibilidade do método. “Ponto fundamental na postura do selecionador é o respeito pelos candidatos e a empatia para compreender o estado emocional em que se encontram. Isso, claro, leva a um bom acolhimento dos candidatos, em um ambiente tranqüilo e calmo, por um profissional cortês, atencioso, educado e, principalmente humilde. Isto é fator de sucesso para a seleção, pois quando as pessoas se sentem acolhidas e à vontade, fica mais fácil percebermos suas características”. 

Um outro cuidado que se deve ter é em relação ao tempo de duração da dinâmica. O uso das técnicas vivenciais em seleção requer, para que realmente alcance o resultado a que se destina, tempo para aplicação. “Considerando que devemos trabalhar com grupos de no máximo 12 pessoas, e que para cada grupo é necessário pelo menos três horas para uma boa aplicação da técnica, é só fazer as contas e concluir quanto tempo é necessário para uma quantidade de 100 candidatos, por exemplo”.

Fonte: Catho | Foto: Aero Icarus

8 Comentários

  1. Quero inscriver minha sobrinha ou seja preencher um currículo mais não estou conseguindo…como faço??

    • Gustavo B. Souza

      Olá Elaine Lima, boa noite!
      Vi seu interesse em inscrever sua sobrinha. Desculpe, mas vi seu comentário hoje…Enfim, ela deve ter Ensino Médio completo, ter 18 anos de idade e demais aspectos inerentes ao cargo de Comissária. Você encontra tudo no site da ANAC e também de escolas na área da Aviação. Caso ela já tenha se formado como comissária, ótimo! Você pode se inscrever no site da LATAM (site da TAM) no link TRABALHE CONOSCO que se encontra bem abaixo no próprio site da empresa ou ir no aeroporto da sua cidade e falar com o pessoal “de terra”, dos guichês de informações da cia. Normalmente eles fornecem os dados do RH para envio de currículo. Fica bem fácil assim. Espero ter ajudado e desculpa a demora… mas respondida a pergunta. Boa sorte para vocês!

  2. Tais Improta Cruz

    Boa tarde, quando será a seleção da Tam para Comissária de Bordo?

  3. Rosimere Braga

    Bom dia, já concluir o curso de comissário de bordo mais ainda não passei na prova da anac ainda. Tem outro cargo q eu possa exercer na empresa

  4. Vou começar a fazer o curso agora.gostaria de saber como anda o mercado de trabalho.e se tem algum problema se nao souber falar outro idioma.obrigada pela atenção

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*