Início / Empregos / Testes de Seleção / Prova de Inglês para Aviação “Santos Dumont Assessment” – ANAC/OACI

Prova de Inglês para Aviação “Santos Dumont Assessment” – ANAC/OACI

O Santos Dumont English Assessment é composto de duas fases: o Pre-Test e o Proficiency Test. Em ambos os testes, as questões são relacionadas ao universo da aviação civil. O conhecimento técnico não é avaliado, apenas a proficiência na língua inglesa.

Pre-Test é a primeira etapa do processo de avaliação e pré-requisito para a próxima. É feito no computador e constitui-se de duas partes: a compreensão oral e a compreensão escrita.

Na compreensão oral (16 questões) são avaliados conhecimentos em fraseologia, situações emergenciais e diferentes sotaques.

Na compreensão escrita (14 questões), as perguntas abrangem vocabulário, gramática e funções da linguagem. O candidato necessita de no mínimo 70% de acertos em cada parte para ser aprovado e proceder ao Proficiency Test.

O Proficiency Test é a segunda etapa do processo de avaliação. Constitui-se de uma entrevista oral composta de quatro partes: Warm-Up, Problem-Solving, Emergency Situations e Aviation Topics.

Parte 1: Warm-Up – Duração: 5 minutos

Na primeira parte, Warm-Up, os candidatos devem responder questões gerais relativas à sua experiência profissional e a atividades cotidianas no desempenho de suas funções. O objetivo de tais questões é fazer os candidatos se sentirem confortáveis durante a entrevista e assim criar uma atmosfera favorável para que possam demonstrar seu conhecimento do idioma.

Parte 2: Problem-Solving – Duração: 20 minutos

Na segunda parte, Problem-Solving, os candidatos escutam elocuções gravadas relativas a situações inesperadas ou emergências e devem relatar o que ouviram. Depois, terão que interagir com as gravações no intuito de confirmar informações e solucionar mal-entendidos. Nesta parte, o candidato pode ouvir a cada situação duas vezes. O candidato que optar por escutar a gravação duas vezes não será penalizado por tal decisão, entretanto será sempre solicitado ao mesmo que dê suas primeiras impressões do que ouviu. O objetivo desta parte é analisar a capacidade de parafrasear, dar instruções ou sugestões, identificar e solucionar mal-entendidos.

Parte 3: Emergency Situations – Duração: 15 minutos

Na terceira parte, Emergency Situations, o candidato escuta duas situações de emergência diferentes, devendo relatar o que ouviu ao examinador e responder a questões propostas. Após responder as questões propostas, o candidato deve comparar as emergências identificadas em relação ao grau de seriedade, soluções possíveis e formas de prevenção. O objetivo desta parte é não apenas avaliar a capacidade de identificação e compreensão de situações reais de emergência através de gravações, como também comparar e opinar sobre elas.

Parte 4: Aviation Topics – Duração: 10 minutos

Na quarta parte, Aviation Topics, o candidato deve descrever uma ou mais fotos ou figuras. Examinador e candidato devem discutir sobre a situação em si, inferindo, avaliando, usando argumentos e comparando as conseqüências ocorridas em eventos passados, atuais e passíveis de ocorrer no futuro. O objetivo desta parte é avaliar o desempenho do candidato ao relatar suas opiniões e explicações. A habilidade do candidato em desenvolver satisfatoriamente diálogos de alto grau de complexidade no trabalho é o ponto crucial desta parte.

O piloto poderá ser avaliado por mais de um(a) examinador(a). A interação entre o mesmo e o examinador é gravada para posterior avaliação da produção oral.As habilidades passíveis de avaliação são: pronúncia, estrutura gramatical, vocabulário, fluência, compreensão e interação. A avaliação é feita com base nos descritores holísticos e na escala de níveis de proficiência lingüística determinada pela OACI.

O candidato pode apresentar 6 níveis de proficiência lingüística em cada habilidade: expert (6), avançado (5), operacional (4), pré-operacional (3), elementar (2) e pré-elementar (1), sendo que a menor nota que atingir em qualquer das habilidades supramencionadas corresponderá à nota final.

Para que o piloto seja autorizado a viajar internacionalmente, deverá atingir ao menos o nível operacional (4) como nota final.

Os pilotos que atingirem o nível operacional (4) deverão se submeter a um novo teste após um período de três anos.

Aqueles que atingirem o nível avançado (5), deverão se submeter a um novo teste após um período de seis anos.

Aqueles que atingirem o nível expert (6) não mais precisarão se submeter ao teste. Aqueles que forem reprovados (nível pré-operacional ou abaixo) poderão tentar novamente após 30 dias.

Dicas para se preparar

Para o Pre-Test recomendamos os seguintes livros:

AUTOR: ROBERTSON, FIONA
EDITORA: PEARSON – ELT

Ótimo livro para estudar fraseologia.

AUTOR: MURPHY, RAYMOND
EDITORA: CAMBRIDGE UNIVERSITY PRESS – ELT

Livro de gramática com CD ROM, você pode selecionar os tópicos gramaticais que quer estudar e pode fazer simulados da prova no seu computador.

Já para o Proficiency Test temos algumas sugestões:

Se você tem bastante tempo pra estudar, ou já tirou quatro e agora se prepara para a próxima prova, o Aviation English é o melhor livro para você.

AUTOR: EMERY, H / ROBERTS, A
EDITORA: MACMILLAN – ELT

O livro vem com um CD rom (exercícios extra, audio das unidades e answer key) e um Dicionário de pronúncia (CD)

Se você irá fazer a prova pela primeira vez e quer estudar mais rápido, tão bom quanto o Aviation English é o English for Aviation da Oxford, a diferença é que o último vai direto ao ponto.

EDITORA: OXFORD UNIVERSITY PRESS -ELT

Também vem com CD rom para exercícios extra e CD de aúdio.

Orientações para inscrição no exame:

O candidato deverá fazer o download e preencher cuidadosamente as fichas de inscrição para cada etapa. Cada ficha deverá ser entregue no momento do exame. O preenchimento da ficha de inscrição é de total responsabilidade do candidato.

Caso o candidato queira fazer algum recurso sobre questão do Pre-Test ou caso discorde de alguma nota aferida no Proficiency Test, deverá preencher o Formulário de Recursos, imprimi-lo e assiná-lo.

O documento original deverá ser protocolado na ANAC ou encaminhado via correio aos cuidados do Setor de Proficiência Linguística até 10 (dez) dias úteis após a realização do Pre-test e até 30 (trinta) dias após a realização do Proficiency Test.

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*