Início / Aeroportos / Duty Free Shop / Free Shop: perfumes importados

Free Shop: perfumes importados

Certamente um dos melhores lugares para comprar perfumes importados e os melhores perfumes femininos é no Duty Free Shop, localizados dentro dos principais aeroportos do Brasil e do mundo!

Conheça melhor as lojas Duty Free nos aeroportos brasileiros.

Para muitos turistas, comprar artigos importados e com desconto é o grande “barato” de uma viagem internacional.

Ao embarcar ou desembarcar nos aeroportos internacionais do Brasil, o viajante poderá usufruir do shopping Duty Free, onde diversos produtos importados (roupas, perfumes, cosméticos, eletrônicos, bebidas, etc) são oferecidos sem a taxação de impostos (tax free).

Já falamos anteriormente de algumas das principais lojas Duty Free em todo mundo.

Contudo, com a baixa cotação da moeda americana, comprar no Duty Free Shop Guarulhos – Aeroporto de Cumbica parece ser a melhor opção para o turista que quer começar ou finalizar sua viagem em grande estilo.

Comprar novas roupas e renovar o guarda-roupas, experimentar as novidades em perfumes importados, atualizar-se com novidades de informática e eletrônicos, comprar deliciosos chocolates, bebidas (whisky, vodka, tequila, etc.), além de cosméticos, maquiagens e outros artigos de moda.

Confira abaixo a relação de todos Duty Free Shop no Brasil:

DUTY FREE

  • Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim Galeão – Rio de Janeiro
  • Aeroporto Internacional de São Paulo / Guarulhos – Governador André Franco Montoro – São Paulo
  • Aeroporto Internacional Salgado Filho – Porto Alegre
  • Aeroporto Internacional Tancredo Neves – Confins
  • Aeroporto Internacional Guararapes – Gilberto Freyre – Recife
  • Aeroporto Internacional de Salvador Deputado Luis Eduardo Magalhães – Salvador
  • Aeroporto Internacional Pinto Martins – Fortaleza
  • Aeroporto Internacional Hercílio Luz – Florianópolis
  • Aeroporto Internacional de Brasília – Juscelino Kubitscheck – Lago Sul – Brasília

DO BRASIL DUTY FREE

  • Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim Galeão – Rio de Janeiro
  • Aeroporto Internacional de São Paulo / Guarulhos – Governador André Franco Motoro – São Paulo

As lojas “Do Brasil Duty Free” também pertencem ao grupo Brasif de mini shoppings com produtos livres de impostos. É uma opção de compra para quem frequenta o Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, RJ ou o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, SP.

Os campeões de venda são perfumes importados e bebidas. Estes itens são bem mais baratos que no exterior.

Atenção! O limite para gastar no free shop é de até US$ 500,00. Este valor é válido apenas na hora do desembarque, visto que no embarque para outros países não há limite de gastos.

Contudo, na volta ao Brasil, o passageiro brasileiro tem a obrigação de declarar todos os bens adquiridos durante a viagem, inclusive as compras feitas no free shop do embarque. Tudo que exceder a quantia de 500 doláres deverá pagar imposto de 50%.

IOF – Já há algum tempo as lojas dos duty free dos aeroportos brasileiros oferecem a possibilidade de pagamento em reais, eliminando a cobrança de IOF (tanto na função crédito quanto na função débito).

Importante lembrar que não é possível fazer compras online, pois não há lojas virtuais para o Duty Free.

Nova legislação – A nova legislação, em vigor desde Outubro de 2010 exclui “bens trazidos para uso pessoal” da cota limite de US$ 500,00 (via aérea) e US$ 300,00 (via terrestre) em compras com isenção de imposto em viagens ao exterior.

Desse modo, todos os itens que se encaixam no conjunto de artigos pessoais não devem ser declarados, como o caso de perfumes importados, relógios de pulso, máquinas fotográfica, roupas, celulares, Ipod e pen drive. Claro que se considera “item pessoal” apenas uma única unidade de cada tipo de produto.

E como todo item pessoal, deve estar em uso do próprio. Ou seja, fora da caixa. Importante! Notebooks e iPads não fazem parte deste conjunto de itens, portanto jamais serão considerados bens de uso pessoal em viagens de turismo.

Dica importante: sempre leve consigo as notas fiscais dos produtos que carrega na bagagem, assim ficará fácil comprovar o uso pessoal.

Para mais informações acesse o site da Receita Federal com orientações sobre a compra de produtos em viagem ao exterior.

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*