Início / Aviação / Pilotos / Como ser piloto de avião?
piloto-aviao-cockpit

Como ser piloto de avião?

Muitos leitores chegam ao Portal Meio Aéreo buscando informações em como se tornar piloto de avião ou piloto de helicóptero e piloto off-shore.

Confira as informações abaixo para saber o que é necessário para ser um piloto de avião!

O profissional que optar pela carreira de Piloto de Avião deverá ter a clara ciência de que deverá estar capacitado para fazer voos em aviões modernos nas linhas aéreas do Brasil e também em empresas aéreas internacionais.

Os aviões modernos são extremamente seguros e cada mais mais “simples” de se pilotar. Isto porque o avanço da tecnologia fez com que várias funções dos pilotos fossem substituídas. Este profissional tornou-se um supervisor de sistemas.

O piloto de avião tem menos funções agora no sentido de controlar o avião de momento a momento. Agora ele programa o computador, determina parâmetros e monitora a automação. A profissão de piloto é uma das mais cobiçadas dentro da aviação civil.

Quais as características desejáveis para ser um piloto de avião?

Para ser um piloto de avião é necessário que o profissional tenha um compromisso com a segurança e se dedique muito aos estudos e treinamentos. Outras características interessantes são:

  • responsabilidade
  • concentração
  • autocontrole
  • controle emocional
  • capacidade de trabalhar sobre pressão
  • capacidade de rápida adaptação às mudanças operacionais
  • capacidade de trabalhar em equipe
  • raciocínio rápido
  • raciocínio espacial
  • paciência
  • agilidade
  • comprometimento
  • disciplina

Qual a formação necessária para ser um piloto de avião?

piloto-helicoptero-2015

Para ser piloto é preciso ter muitas horas de voo

Para ser um piloto de avião é necessário que o profissional escolha entre a formação civil ou militar. Para a formação civil, há diversos aeroclubes e escolas de pilotagem espalhados pelo Brasil que ministram cursos de piloto privado e piloto comercial.

No caso de piloto privado ou desportivo, basta ter o Ensino Fundamental. Já para seguir a carreira de piloto comercial, é preciso ter concluído o Ensino Médio. Existem também algumas faculdades particulares que possuem o curso de Ciências Aeronáuticas com ênfase em Piloto Comercial, que tem duração de três anos e ainda está em fase de reconhecimento pelo MEC.

Para seguir a carreira de piloto militar, o profissional tem a possibilidade de cursar a Escola Preparatória de Cadetes do Ar, prestando concurso no final da oitava série do Ensino Fundamental, ou participar do vestibular da Academia da Força Aérea após concluir o Ensino Médio.

Para ser um profissional da aviação civil, o piloto deve ter no mínimo o Ensino Médio completo, ter concluído os cursos de Piloto Privado e Piloto Comercial e acumulado pelo menos 150 horas de voo.

A fluência na língua inglesa é desejável. Um pré-requisito muito importante é a realização do exame médico todo ano, onde a integridade física do piloto é atestada enquanto ele quiser voar.

Livros para estudar Inglês na Aviação

O curso teórico de Piloto Privado tem a duração de quatro meses, e o aluno deve acumular 35 horas de voo em até dois anos. Após essa fase, ele tem de frequentar o curso de Piloto Comercial por mais quatro meses e acumular um total de 150 horas em até dois anos.

A idade mínima para o aluno frequentar as aulas é de 17 anos, mas ele deverá completar 18 anos para obter a licença de piloto privado e poder voar sozinho. Para o piloto comercial, a exigência é ter, no mínimo, 18 anos.

O profissional que quiser ser habilitado como piloto comercial, deve completar no mínimo 150 horas de voo  Essa habilitação ou licença é adquirida através do Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). O tempo de estudo depende da rapidez com que o aluno realiza seus vôos de treinamento. Em média, leva-se de três a quatro anos.

Principais atividades do piloto de avião

  • realizar voos privados ou comerciais
  • zelar pela segurança dos passageiros
  • realizar pousos e decolagens
  • fazer exames médicos todo ano
  • participar de treinamentos: regulamentos de tráfego aéreo, técnica de equipamento (estudo dos sistemas do avião em que voamos), combate a incêndios, primeiros socorros, cargas perigosas
  • receber e seguir orientações da torre de controle
  • trabalhar em equipe 

Áreas de atuação e especialidades

pouso-de-helicoptero

O mercado de piloto de helicóptero é concorrido

O piloto de avião pode especializar-se em diferentes áreas: piloto privado, comercial, de linhas aéreas, táxi aéreo dentre outros. A categoria que o profissional escolhe seguir varia de acordo com sua habilitação. Abaixo alguns exemplos:

  • PP e PP-H – Piloto Privado e Piloto Privado de Helicóptero
  • IFR – Vôo por Instrumento
  • PC/IFR – Piloto Comercial/ Vôo por Instrumento
  • PC/H – Piloto Comercial (helicóptero)
  • Piloto Agrícola
  • PLA/AV – Piloto Aéreo (avião)
  • PLA/H – Piloto Aéreo (helicóptero)

 

Mercado de trabalho na Aviação

O mercado de trabalho para o piloto de avião está em expansão e a remuneração é acima da média. É uma carreira que está em alta mas o sucesso desta profissão depende muito da vocação, empenho e dedicação.

Um mercado que está criando ótimas oportunidades é o do empresas de táxi aéreo, que possuem aviões e helicópteros para fretamento (aluguel). Elas têm a mesma programação de treinamento e segurança das grandes empresas aéreas.

Alguma dúvida?

Veja algumas escolas de aviação na cidade onde mora!

Quanto custa um curso de piloto?

Foto: thenationalguard

4 Comentários

  1. Eu gostaria de saber se existem escolas que patrocinam o curso ou da uma ajuda de custo para o candidato que quer se tonar um piloto comercial.

  2. Existe limite de idade para se conseguir Emprego na Aviação?

    • Tenho a mesma dúvida. Tenho 30 anos e gostaria de começar o curso no início do próximo ano. Mas tenho medo de já ter perdido o “timing” pra me formar como piloto comercial e poder exercer a profissão.

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*