Início / Linhas Aéreas / Como escolher o melhor assento para viagem de avião

Como escolher o melhor assento para viagem de avião

Já não é de hoje que voar de avião é uma atividade cada vez menos confortável.

Desde a década de 50, viajar de avião é quase que um martírio em jatos pequenos e configurados para ter o mínimo espaço.

São as passagens aéreas da Classe Econômica (Y) que dão dinheiro à empresa aérea. Isto porque poucos viajam na Primeira Classe (F) ou na Classe Executiva (B), a classe yankee, contudo, sempre lotada.

Para quem tem menos de 50 anos não sabe o que é voar de avião em tempos áureos.

Os aviões Super Constellation e Douglas DC-7 eram maravilhosos de confortáveis.

Estes foram os últimos grandes aviões intercontinentais a hélice. Grandes aeronaves.

Confortáveis e com grandes poltronas e bons serviços de bordo. As viagens aéreas demoravam mais, por isso era preciso mais conforto. Após a entrada dos jatos na aviação comercial, tudo mudou. Os passageiros perderam conforto, porém ganharam em preço.

As passagens aéreas tornaram-se mais acessíveis. Fazer uma viagem de avião ficou popular, especialmente com as aeronaves de dois corredores (wide-bodies), na década de 70.

– História da aviação: em busca da velocidade

Então, resta a tarefa de tentar escolher o melhor assento possível para se viajar. Não existe conforto na classe econômica ou doméstica em nenhuma empresa aérea, ou em qualquer tipo de avião, no mundo.

Qual o assento mais seguro do avião?

Para quem tem fobia aérea, acha que o avião vai cair e tal, não se preocupe – escolha um assento a partir das fileiras das asas até o leme da aeronave. Ambas são estruturas mais sólidas e resistentes.

A desvantagem em ficar em cima das asas é que é ali que ficam os tanques de combustível, ou seja, os motores do avião que serão entre os mais explosivos em qualquer situação com fogo. Esqueça! Escolha os últimos assentos. O leme sempre sobra para contar história.

Há estatísticas e livros que apontam que a parte traseira é mais segura do que a dianteira, mas isso não correspondeu à realidade em muitos acidentes.

– Medo de viajar de avião: dicas para evitar o pânico!

Como escolher o melhor assento para viajar de avião?

Janela ou corredor? Qual o melhor assento do avião?

Janela ou corredor? Qual o melhor assento do avião?

Considerando que, em um acidente, as chances de sobrevivência são mínimas, o melhor a fazer é escolher o assento com maior conforto possível de acordo com o tipo de avião e empresa aérea.

É preciso saber, por exemplo, que as configurações das aeronaves variam de companhia aérea para outra. Assim, um Airbus A330 da Lufthansa pode ser diferente de um mesmo avião da LATAM ou Air France.

Um avião como o Boeing 777 tem configurações diferentes entre um avião da LATAM e um igual da KLM.

Para ir para a Europa saindo de São Paulo, uma boa dica é o Boeing 747-400 da British. Nos aviões da LATAM opte pelos corredores nas letras C, D, G e H.

Caso compre a passagem em promoção da Ibéria. Opte pelos assentos 22A, 22C, 22J ou 22L. Possuem espaço extra para as pernas. Outra poltrona boa para escolher são os assentos 35C ou 35J (corredor).

No 777-200 da KLM tente a fileira 40. Jamais a 44. Não reclinam e é perto dos toaletes. Viagens longas vale a regra de pagar um pouco mais pelo conforto. Assentos 10A-10B ou 10H-10J são os melhores.

Por exemplo, para quem gosta de fazer a viagem nos assentos das janelas, é importante lembrar que muitos aviões da Boeing possuem janelas “cegas” por conta de tubulações do ar da cabine.

Algumas janelas, especialmente logo atrás da segunda porta, no bordo Boeing 777, algumas janelas a menos, logo atrás da segunda porta, à frente do bordo dianteiro das asas devem ser evitadas se a paisagem do destino valer uma foto.

Ainda no Boeing 777-300 da LATAM, que faz entre outros voos longos e noturnos cansativos, evite os assentos entre as filieras 44 a 46. A curvatura da fuselagem do avião prejudica o conforto e o espaço.

No Boeing 777-300 uma dica de melhor assento seria o 34A ou 34K, na janela atrás da asa, com boa visão e melhor espaço. Outras opções de poltronas com conforto são a 15 e 19, ou melhor ainda, da fileira 34 ABC-HJK, ou 35 DEFG dado maior espaço para as pernas.

No 747-400 da Lufthansa, os melhores lugares estão nas fileiras 32, 33 e 43. As janelas são as poltronas com as letras A ou K.

Os melhores assentos do A330 da LATAM se você for viajar na Classe Econômica são as poltronas do meio (fileiras com 4 assentos na configuração 2×2). Os melhores assentos são 27D, 27E, 27F e 27G.

No A330 da LATAM evite ao máximo os assentos 25D-E-F-G, 26D-E-F-G, e 24A-C-D-E-F-G-H-K, assim como nos assentos 38D-F-G, 39A-C-H-K e 40A-C-H-K.

Uma boa dica quase sempre é escolher os assentos logo após as portas de emergência, logo após as asas. A maior parte das poltronas logo atrás dessas portas dispõem de excelente espaço para as pernas.

Melhor assento em voos nacionais

Para as viagens nacionais, os aviões são menores. As aeronaves de apenas um corredor (narrow-body) mais comuns nos aeroportos do Brasil são o Boeing 737 e os Airbus A320 e os Boeing 757.

A grande maioria dos aviões que fazem voos domésticos possuem classe única (econômica), identificadas da esquerda para a direita, com letras. (a referência é de frente para o nariz do avião).

assentos-aviao-airbus-tam

Classe econômica, interior da cabine de um Airbus da LATAM

No Airbus A320 as melhores fileiras são 1, 12 e 13. Paga-se uma taxa no check-in antes de embarcar para ter direito. Outras poltronas boas para observar a paisagem são: fileiras de 02 a 10, A ou F, e depois 21 a 28, A ou F. Nos aviões da TAM evite as fileiras 11 e 29.

Viagens curtas ou viagens longas, quem fica no corredor tem a vantagem de poder levantar a qualquer momento para ir aos lavatórios ou circular pelo avião sem incomodar nenhum outro passageiro.

Já para quem senta na janela tem a vantagem de encostar na fuselagem para descanso, olhar a paisagem e tirar foto, mas tem o inconveniente de ficar a duas poltronas, e muito provavelmente dois passageiros, do corredor.

Nada pior do que o assento do meio, não? As letras B e E são as piores nos Airbus. Os jatos da Embraer da Azul são possuem este assento do meio. Ou você sentará na janela ou no corredor.

Sempre viajar nas poltronas logo ao lado das saídas de emergência é bom, mesmo que algumas não reclinem. O espaço para as pernas ajuda. o conforto.

O passageiro que sentar nos assentos das janelas e portas de emergência devem estar cientes de que poderão ser solicitados a abri-la se necessário. Passageiros com deficiência física, idosos, crianças e pessoas muito obesas não podem sentar nessas fileiras.

Espaço Conforto

As empresas aéreas cobram uma taxa para uso dos assentos na saída de emergência. Vale a pena pagar, especialmente para voos com mais de 2 horas de duração.

Viagens mais longas devem ser feitas longe tanto quanto possível das galleys e dos toaletes. Os comissários de voo sempre circulam muito por lá, assim como outros passageiros. Voos noturnos madrugadão e corujão 2015 sentar nestes assentos é um pesadelo.

– Quais voos mais longos do Brasil e do mundo?

A primeira fileira é sempre muito boa. Há uma maior atenção do comissário chefe de cabine e mais espaço para as pernas. O lado ruim é não poder deixar nenhuma bagagem em pousos e decolagens.

Nunca sente-se perto do banheiro traseiro da aeronave. Muitas vezes antes mesmo da decolagem, é lastimável o estado, sujeira e mal cheiro.

Para o passageiro com mais de 1,80 metro de altura e / ou mais de 90 Kg irá sofrer em todas as viagens. Evit a econômica, você é maior, vai precisar de mais espaço. As poltronas foram projetadas para pessoas de 1,70 metro e 75 Kg.

Apps para escolher melhor assento do avião

Para informações sobre poltronas (pitch e mapas de assentos) visite o site Seat Guru

Para ler avaliações e comentários de usuários, visite o site Skytrax

Para evitar a sensação de ouvido entupido, o negócio é mascar chicletes durante a subida e a descida. Outra dica para quem tem barotite é escolher assentos nas fileiras próximas ao centro da gravidade do avião. As fileiras 14, 15 e 16 do Airbus.

1 Comentário

  1. MARTIN G BRUXEL

    Nos 777-300 ou 200 com seus propulsores GE90 produzem muita tubulencia, o que gera ruido por conta da ressonancia com a fuzelagem, mesmo hoje com modelos novos, voar atras dos motores é terrivel. Fuja das janelas se for atras das assas, ou seu sono já era.

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*